Seguidores

sábado, 6 de abril de 2013

Presidente do Malauí reclama que Madonna não cumpriu promessas no país


A presidente do Malauí, Joyce Banda, criticou Madonna por voltar atrás em sua promessa de construir uma escola para meninas no valor de US$ 15 milhões. Ela ainda acusou acusou a cantora e sua instituição de sua caridade, Raising Malawi, de "insultar as pessoas" e de construir 10 escolas sem consentimento do governo. As informações são do jornal Daily Mail.
Madonna desembarcou no país africano no início desta semana e visitou o orfanato onde ela adotou seus dois filhos Mercy e David. Ela também foi vistoriar as 10 escolas financiadas por ela em todo o país, começando com a Escola Primária Nkoko, no crescente distrito de Kasungu.
Cerca de 4.000 crianças em idade escolar estudavam embaixo de árvores antes da criação das escolas pela cantora. Mas Joyce Banda disse que esses prédios foram construídos sem o consentimento do governo: "Ela foi para as aldeias sem avisar e fez as pessoas pobres dançarem para ela".
"Ninguém deveria vir aqui e dizer: 'Estou construindo uma sala de aula', sem avaliação das necessidades. Em alguns casos, ela só está renovando um bloco existente. É um insulto para o povo". acrescentou Banda.

O secretário de imprensa presidencial, Steve Nhlane, falou com o jornal e confirmou a falta de contato, mas disse que a Banda "estaria disposta a se encontrar com Madonna se a cantora fizer um pedido".
O ministro da Educação do Malauí apoiou os comentários da presidente, dizendo à BBC que a popstar vai construir apenas algumas salas de aula.
"Ela construiu salas de aula em escolas existentes, realmente é uma diferença de terminologia. Ela prometeu uma escola para meninas e nós concordamos com padrões, mas ela mudou de ideia sobre o projeto sem nos consultar".
Há dois anos, Madonna fechou o escritório de sua organização no país e cancelou a construção da escola para 400 alunas após denúncias de má gestão financeira.
Trevor Neilson, presidente do grupo que está gerenciando projetos da cantora no país, disse que a instituição já gastou US$ 400.000 nas 10 escolas, e reiterou seu compromisso com a nação africana: "Madonna ama o Malauí, ela está feliz de estar aqui e está empenhada em acabar com a miséria no país".liar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O QUE VOCÊ ACHA!!!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem sou eu