Seguidores

quarta-feira, 12 de junho de 2013

Homem é preso em flagrante esfaqueando a namorada e pede à polícia para deixá-lo "terminar o serviço"

Um homem foi condenado por matar sua namorada e pedir à polícia, na hora da prisão em flagrante, que o deixasse “terminar o serviço” esfaqueando-a mais.
Mark Golds, de 46 anos, teve uma crise de ciúmes quando sua companheira, Claire Parrish, de 37 anos, tentou terminar o relacionamento por causa de seu “temperamento controlador e violento”.
O ex-porteiro de boate pegou uma faca e causou múltiplos ferimentos na namorada, enquanto o casal estava em sua casa, em Harlow, na Inglaterra.
A polícia, que chegou rapidamente ao local do crime, demorou mais de dez minutos para controlar o homem, que insistia em lutar e resistir à prisão.
Douglas Lyall, policial, contou que Golds disse “Deixe-me terminar o serviço, a faca de pão ainda está no quarto”.  
Claire, mãe de quatro filhos, foi levada imediatamente ao hospital, onde morreu por causa das facadas que levou na barriga.
A família da vítima descreve Golds como “um monstro”.
Em uma nota assinada pelos familiares e lida durante o julgamento do assassino diz:
— Claire era uma mulher maravilhosa. Mark Gold não tirou a vida apenas de nossa filha, mas de uma doce irmã, tia e mãe. Ela tinha ainda muitos anos para ver sua família crescer, mas isso foi brutalmente tirado dela. Nós nunca vamos nos recuperar disso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O QUE VOCÊ ACHA!!!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem sou eu