Seguidores

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Papa Bento XVI renuncia a posto



Em anúncio oficial divulgado que  o Papa Bento XVI anunciou a renúncia ao seu pontificado; ele deixará o posto às 20h (16h de Brasília) em 28 de fevereiro.

Durante pronunciamento feito em uma assembleia de cardeais, Bento XVI afirmou que deixará o cargo devido a questões de saúde, não tendo mais forças para exercer a função aos 86 anos.

Eleito em 19 de abril de 2005, o cardeal alemão Joseph Ratzinger se tornou Papa após o falecimento de João Paulo II. Sendo o 265º a assumir o cargo, ele foi o primeiro a ser eleito no século 21. Tendo sido aconselhado por seu médico a não continuar fazendo viagens internacionais, o que pode ter ajudado na decisão de abandonar o posto, o pontífice foi o segundo a tomar tal medida na história. O outro tinha sido Celestino 5º, que renunciou ao cargo antes de ser consagrado.

O sucessor de Bento XVI será escolhido em um novo conclave, que deve ser realizado de 15 a 20 dias após a renúncia. O novo Papa deverá ser anunciado pelo Vaticano até a Páscoa. O Brasil tem cinco integrantes com idade apta no grupo de Cardeais que podem ser escolhidos para o posto.

A seguir, confira trechos do comunicado oficial escrito pelo Papa para se despedir dos fiéis:


"Após ter examinado perante Deus reiteradamente minha consciência, cheguei à certeza de que, pela idade avançada, já não tenho forças para exercer adequadamente o ministério petrino. 

(...) é necessário também o vigor tanto do corpo como do espírito, vigor que, nos últimos meses, diminuiu em mim de tal forma que eis de reconhecer minha incapacidade para exercer bem o ministério que me foi encomendado. Declaro que renuncio ao Ministério de Bispo de Roma, sucessor de São Pedro, (...) a sede de São Pedro ficará vaga e deverá ser convocado, por meio de quem tem competências, o Conclave para a eleição do novo Sumo Pontífice. 

Queridísimos irmãos, lhes dou as graças de coração por todo o amor e o trabalho com que levastes junto a mim o peso de meu ministério, e peço perdão por todos os meus defeitos. Agora, confiamos à Igreja o cuidado de seu Sumo Pastor, Nosso Senhor Jesus Cristo (...)"


Fontes: Ansa.it, Corriere della Sera e G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O QUE VOCÊ ACHA!!!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Quem sou eu